domingo, janeiro 23, 2022
HomeENADEEnade: entenda como funciona o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes

Enade: entenda como funciona o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes

Veja quem deve partici´par do exame e como é feita a avaliação

- Advertisement -spot_img
receitas para secar

Você sabe o que é o Enade? Quem participa e quando são aplicadas as provas? Entenda como funciona o exame direcionado a estudantes dos cursos de graduação do Brasil.

receitas para secar

O que é

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) é uma avaliação criada pelo Ministério da Educação (MEC) e aplicada aos estudantes que estão finalizando ou iniciando o curso superior. 

A participação no Enade é requisito obrigatório para a conclusão dos estudos. Sem o exame não é possível se formar e obter o diploma. 

A obrigatoriedade é restrita aos estudantes que são convocados para participar do Exame. Assim, é importante acompanhar os ciclos de avaliação e os comunicados da coordenação de curso.

Como é a avaliação

O exame tem como objetivo avaliar o desempenho dos estudantes universitários em  três aspectos da sua formação:

  1. aprendizagem do conteúdo previsto pelas diretrizes nacionais do curso;
  2. desenvolvimento de competências e habilidades gerais e profissionais e;
  3. o nível de atualização com relação à realidade brasileira e mundial.

Assim, o Enade é importante para avaliar o desempenho dos estudantes, mas também da faculdade e do curso de graduação.

É por meio dessa avaliação que o MEC lista um conceito para o seu curso. Desse modo, quanto melhor o desempenho dos graduandos, maior será o conceito do curso.

As notas finais do curso, que representa uma média das notas dos estudantes, geram conceito que variam entre 1 e 5 notas. Os cursos com notas 1 e 2 são considerados com desempenho insatisfatórios. A partir de atribuição de conceito 3 o resultado é considerado satisfatório.

Agora você pode estar se perguntando,  mas como acontece na prática o Enade?

Provas e questionários

provas do enade
Provas presenciais do Enade versam sobre Conhecimentos Gerais e Formação Específica do curso

O Enade é realizado anualmente em três ciclos de provas diferentes. Para cada ciclo estão inclusos um grupo de cursos.

  • Ano I: Ciências Agrárias, Ciências da Saúde e áreas afins; Engenharias e Arquitetura e Urbanismo; Tecnologia nas áreas de Ambiente e Saúde, Produção Alimentícia, Recursos Naturais, Militar e Segurança.
  • Ano II: Ciências Biológicas; Ciências Exatas e da Terra; Linguística, Letras e Artes e áreas afins; Ciências da Saúde; Ciências Humanas; Ciências Biológicas; Ciências Exatas e da Terra; Linguística, Letras e Artes; Ciências Humanas e Ciências da Saúde, com cursos avaliados no âmbito das licenciaturas; Tecnologia nas áreas de Controle e Processos Industriais, Informação e Comunicação, Infraestrutura e Produção Industrial.
  • Ano III: Ciências Sociais Aplicadas e áreas afins;Ciências Humanas e áreas afins que não tenham cursos também avaliados no âmbito das licenciaturas; Tecnologia nas áreas de Gestão e Negócios, Apoio Escolar, Hospitalidade e Lazer, Produção Cultural e Design.

O exame envolve três instrumentos importantes:

O primeiro é o Questionário do Estudante que deve ser respondido no formato online e antes da data de aplicação das provas.

O segundo instrumento é a Prova Presencial. O exame é dividido em questões de formação geral (conhecimentos gerais e atualidades) e questões de conteúdo específico (relacionadas ao curso).

Ainda, no dia do exame, o estudante deve preencher o Questionário sobre a percepção a respeito da prova, o terceiro instrumento de avaliação do curso.

Caso a prova seja entregue incompleta ou o desempenho não seja bom, consequentemente, o seu curso também receberá nota baixa na avaliação do MEC.

Não fiz o Enade, o que fazer?

Se acontecer um imprevisto e o candidato não realizar a prova, é necessário fazer uma justificativa para evitar ficar em situação irregular junto ao MEC. É importante frisar que a falta pode acarretar retenção de diploma e impedir a conclusão do curso de graduação.

Vale ressaltar que a nota da avaliação do curso é divulgada publicamente e, inclusive, é utilizada por candidatos às vagas no curso superior no momento de escolha do curso e da faculdade. 

A leitura de jornais e a realização de simulados e provas anteriores são importantes ações de preparação para o Exame.

O Enade tem a chancela do MEC e é promovido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

- Advertisement -spot_img
Cristiano Alvarenga
Jornalista com mestrado em Comunicação pela Unesp. Especialista em Marketing de Conteúdo e Jornalismo de Dados.
- Advertisement -spot_img
Leia também
Notícias recentes
- Advertisement -spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here